X
Menu

10

Em países de baixa, média e alta renda, a população de mulheres transsexuais e travestis tem sido desproporcionalmente afetada pelas infecções sexualmente transmissíveis (IST) e, por isso, desde 2019 até este ano, o estudo TransOdara buscou construir uma rede de pesquisa com o objetivo de estimar a prevalência da sífilis e de outras outras IST nessa população, considerando participantes maiores de 18 anos. Sob o título oficial de “Estudo de prevalência da sífilis e outras infecções sexualmente transmissíveis entre travestis e mulheres transexuais no Brasil: cuidado e prevenção”, a pesquisa foi realizada pelo por mais de 40 pesquisadores e analistas[...]

CATEGORIAS